quinta-feira, 1 de março de 2012

Ludopédico Romance

1º Tempo
Se conheceram em uma festa. Moravam perto, mas nunca haviam se visto. O interesse foi imediato. Mas ela beijava outro cara. E um caso dele estava na área. Mesmo assim, trocavam olhares. Em um lance rápido, ele a viu sozinha. A bola nas costas foi inevitável. Trocaram telefones e Facebooks. Não bastou. Ele insistiu. E esperou. Já nos descontos, conseguiu um beijo furtivo.

2º Tempo
Conversaram todos os dias. Até finalmente se encontrarem. Ficaram. Gostaram. Havia uma química, pensava ela. Que mulher gostosa, dizia ele. As noites eram quentes. Os dias nem tanto. Eram diferentes na essência. Ele meio certinho. Ela decidida de si. Mas competiam em tudo. Um dia, na lateral, surgiu uma ponta de ciúmes. Brigaram. Foram ríspidos. Quase desleais. Decidiram terminar. Assim ninguém ganhava, mas também não perdia.

Prorrogação
Aí veio a saudade. Ela estava carente. Ele, beliscando azulejos. Nem o orgulho - que tinham em comum - foi impedimento. Passaram dois dias trancados em casa. Quando tudo parecia perfeito, ele admitiu. Tinha saído com uma amiga dela. Os gritos incomodaram a vizinhança. No auge da raiva, ela deixou escapar que saia com um ex. O mesmo que beijara na naquela festa. Era o fim. Mas o empate persistia.

Pênaltis
Um amigo em comum marcou o derradeiro encontro. Mas não ficou para ver. O clima era pesado. Ela bateu primeiro. Foram muitos palavrões. Ele escutou calado. Depois, descontou com ironias. Toma lá, dá cá. Nas mesas em volta, havia até torcida. E assim permaneceram. Até ele vacilar. A vitória parecia certa. Mas ela também refugou. Meio que por conveniência, meio que por se gostarem, dividiram o título. E a cama, pelos anos seguintes.

2 Comments:

Anonymous Flavia said...

Então no campeonato ganharam um TÍTULO?

2:40 PM  
Blogger fred said...

Sim, não?

7:33 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home